Atividade física no inverno: por que ela não deve ser abandonada?

Atividade física no inverno: por que ela não deve ser abandonada?

Com a chegada da época mais fria do ano, muitas pessoas ficam com menos motivação para treinar e realizar atividade física. Mas é importante lembrar que a prática regular de exercícios não deve ser abandonada no inverno, porque oferece muitos benefícios para a saúde que vão além do emagrecimento.

Nos dias mais frios, é comum o aumento do consumo de alimentos mais calóricos e encorpados, que podem ser prejudiciais à saúde. Por isso, deixar de lado a prática esportiva, seja ela qual for, não deve ser uma opção.

Para te ajudar a ter motivação para treinar, mesmo quando o clima estiver propício para ficar debaixo das cobertas assistindo um filme, selecionamos algumas dicas. Confira.

Mais motivação para treinar no inverno

A atividade física não deve ser abandonada no inverno. Para ter mais motivação para treinar, é preciso ter consciência de que os benefícios do treino vão muito além da perda de peso. Os ganhos podem ser percebidos na saúde em geral e na melhora da qualidade de vida, com resultados válidos ao longo de muitos anos. 

Muitas pessoas costumam parar os treinos depois que conseguem perder alguns quilos. Só que o efeito sanfona existe para lembrar a todos que a prática precisa ser contínua, se não, o peso perdido é recuperado e a saúde pode ficar comprometida.

Quer saber como ter motivação para treinar e não perder o pique mesmo no inverno? Confira as dicas.

1- Fique de olho nas suas metas de saúde

Seja qual for a atividade física que você pratica, pense nos ganhos de saúde que você quer conquistar realizando o exercício. Assim, terá mais motivação para realizá-lo no inverno. Mesmo que o emagrecimento seja o seu foco principal, tente ir além e levar em conta os benefícios para a sua saúde e qualidade de vida.

Ao fazer uma caminhada ou depois da musculação, perceba os sinais que o seu corpo dá depois da prática, se você tem mais fôlego, disposição, se o humor está melhor etc. Conforme você evoluir nesse processo, note se esses sinais também se tornarão melhores e mais intensos. 

2- Faça somente exercícios que você gosta

Não tem jeito. Para a atividade física ser prazerosa, é preciso que ela tenha a ver com quem está praticando. Imagine alguém que não gosta de dançar, mas que se inscreve em aulas de dança só porque um amigo teve resultados com a prática? Não é assim que funciona.

A motivação para treinar só vai existir se você se identificar com o exercício físico, seja ele qual for. Analise os seus gostos, pense nas suas características e busque por uma prática que te dê prazer ao mesmo tempo em que cuida da sua saúde. Assim, terá disposição e vontade de treinar, inclusive no inverno.

3- Veja a atividade física como um privilégio

Além de ser uma oportunidade que você tem para cuidar da saúde, mesmo na época do frio. Dessa forma, poderá enxergar o treino não como uma obrigação a ser cumprida, mas como uma chance para investir em você.

Se reservar uma hora do seu dia para a prática de atividade física, sairá no lucro. Será um tempo dedicado a você, para fortalecer o corpo e se tornar mais saudável. Muitos outros benefícios poderão ser conquistados se você mantiver esse pensamento e, claro, a rotina de exercícios em dia. 

Adepto de um estilo de vida saudável, o Dr. Sandro Ferraz acredita que para ter qualidade de vida é preciso unir alguns pilares: atividade física, suplementação, nutrição funcional, equilíbrio hormonal e controle do estresse. Especialista em performance esportiva, ele pode te ajudar a conquistar resultados com a prática. Agende uma avaliação!

Crédito da Imagem: BartekSzewczyk – iStock